sábado, 27 de maio de 2017

Selvagens...

Foto by Alin Ciortea
Como dois selvagens, matamos os nossos desejos... mostrando que o dia e a noite se unem num só acto de amor e prazer.

[A.Braga]

12 comentários:

Darkness disse...

HUMMMMM...desejos vontades...incontroláveis...selvagens...
Gosto...dessas...
Beijos VORAZES

Dalila Lopez disse...

Hummm "pedaços de nós"!! Adorei

Beijos

AvoGi disse...

Atão matemo-los antes que nos mate de desejo

María Perlada disse...

Qué dulce es la imagen, me encantó.

Gracias por compartir esa frase.

Besos enormes, preciosa, y feliz tarde.

Ana Freire disse...

Uma belíssima constatação... em imagem e palavras...
Já andava há um tempão para vir aqui, agradecer a sua simpática visita em artandkits.blogspot.com e também para conhecer este cantinho... mas só hoje se proporcionou...
Pois gostei imenso... e já estou seguindo este espaço, onde a sensualidade, se harmoniza tão bem, com as imagens e as palavras!...
Beijinho! Bom fim de semana!
Ana

Amor disse...

Dark,
Também eu gosto.:)

Bjinhos

Amor disse...

Obrigada, Dalila.:)

Bjinhos

Amor disse...

AvoGi, matá-los?
Nem pensar. :))

Bjinhos

Amor disse...

María,
É com prazer que partilho o que vou escrevendo. :)

Beijinho

Amor disse...

Bem-vinda Ana.
Também gostei muito do teu blog.
Beijinhos e volta mais vezes.:)

AC disse...

Há momentos em que ser selvagem faz todo o sentido - e sente-se, oh se sente! - há outros em que é necessário tentar incorporar tudo num suposto todo, como de oração de final de dia se tratasse.
O ser humano é complexo, e de que maneira!

Um beijinho :)

Amor disse...

AC,
O ser humano é complexo demais.
Bem-vindo a este meu cantinho.:)

Beijinhos